MONTAR UM PC GAMER: PLACA MÃE

placa mãe

No artigo anterior falamos de Fonte de Alimentação, envio um breve resumo abaixo, hoje queremos falar de Placa Mãe.


A fonte de alimentação é o dispositivo responsável por fornecer energia elétrica aos componentes de um computador. Portanto, é um tipo de equipamento que deve ser escolhido e manipulado com cuidado


 PLACA MÃE

A placa mãe (do inglês: mainboard ou motherboard) é a parte do computador responsável por conectar e interligar todos os componentes do computador, ou seja, processador com memória RAM, disco rígido, placa gráfica, entre outros. Além de permitir o tráfego de informação, a placa também alimenta alguns periféricos com a energia elétrica que recebe da fonte de alimentação.

placa mãe

 

 

A placa mãe deve ser totalmente compatível com o processador, para que o mesmo possa ser usado em sua plenitude.

A compatibilidade da placa mãe se verifica pelo seu SOQUETE, no caso da Intel basta que sejam do mesmo soquete para que sejam compatíveis (1151, 1150, 2011…), no caso da amd além do soquete (am3, am3+) o TDP deve ser verificado pois placas com tdp menor que o tdp do processador limitam o seu desempenho.

Além do soquete existe o chipset que identifica a placa mãe, um mesmo soquete (intel 1150) pode ter vários chipsets (H81, B85, H87, H97, Z87 e Z97), isso influencia basicamente na oferta de componentes de melhor tecnologia e recursos oferecidos pela placa mãe.

Também temos os formatos ATX e M-ATX, que basicamente se referente ao tamanho físico da placa mãe.

 

O que faz uma placa mãe ser melhor do que a outra?

Embora muita gente pense no processador e memória como decisão de compra e esqueça da placa-mãe, vale ressaltar que ela desempenha um papel decisivo na vocação de um sistema. Um computador mais simples, claro, pode abrir mão de algumas tecnologias para conter custos e caber melhor no estilo de vida do usuário. Já o oposto é obrigatório em um PC voltado para um sujeito mais exigente.

Quando você investiga as qualidades de um chipset e, portanto, de uma placa, vai precisar dominar alguns termos e tecnologias. Conhecendo o chipset da placa você sabe qual é o soquete, suporte a que tipo de memórias, quantas portas USB a placa oferece e etc.

Placa mãe

Não que seja obrigatório, mas em geral placas voltadas para consumidores mais exigentes são pensadas para suportar hardware de ponta, como mais de uma placa de vídeo funcionando em paralelo, e também aguentar sem traumas o processo do overclock, que consiste em sobrealimentar de energia processadores, memórias e GPU.

Para não queimar, placas assim costumam ser construídas com capacitores mais resistentes, que usam materiais de melhor qualidade, e custo. Além disso, essas placas apresentam um aspecto mais robusto, com grande profusão de dissipadores de calor e chipsets de melhor qualidade.

Recursos embutidos

Além de servir de base para que os componentes de hardware sejam instalados e conversem entre si, a placa-mãe também costuma carregar diversos recursos. Alguns modelos oferecem, por exemplo, saída de vídeo. Nestes casos, a placa possui um processador gráfico embutido, ou usa as capacidades gráficas do processador da máquina.

As placas-mãe também trazem portas de conexão. Ethernet, WiFi e Bluetooth, por exemplo, são bastante comuns, mesmo em placas voltadas ao mercado de entrada. Na maioria dos casos, esses serviços utilizam controladores próprios.

Marcas Recomendadas: Asus, Gigabyte, MSI.

Outras Marcas: AsRock, PCCHIPS, Intel

Gostou da matéria? Quer montar um pc gamer? Acesse nossa Central de Atendimento

Continue atento e acompanhe as postagens gamer no blog Sr. Computador, a Maior e Melhor Rede de Tecnologia do Brasil e Melhor Franquia 2016.

Técnica Sr. Computador

Analista responsável pela tecnologia de todas as unidades Sr. Computador.

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *